Brasil

Michelle Bolsonaro é investigada pelo Ministério Público do Trabalho por assédio

Nesta semana, o Ministério Público do Trabalho (MPT) abriu uma investigação sobre a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro, esposa do ex-presidente Jair Bolsonaro, e sobre o pastor Francisco de Assis Castelo Branco. A investigação é sobre um possível caso de assédio moral.

A informação é da coluna de Guilherme Amado, do Metrópoles.

MICHELLE BOLSONARO INVESTIGADA PELO MP

A investigação foi aberta com base em uma reportagem da coluna de Rodrigo Rangel, do Metrópoles, onde estão relatos de funcionários da Presidência denunciando assédio moral no Palácio da Alvorada. O MPT deve ouvir testemunhas, vítimas e acusados nas investigações do caso.

FUNCIONÁRIOS E PASTOR FAZIA AMEAÇAS

De acordo com a reportagem, Michelle “destratava” os servidores da Presidência que eram apontados para auxiliá-la.

Já o pastor Castelo Branco, segundo os relatos, assediava os funcionários e fazia ameaças frequentes de demissão.

Relatos afirmam que o pastor dizia que iria suspender o lanche de quem questionasse suas ordens. Segundo o pastor, ele agia a mando de Michelle Bolsonaro

Fonte: JC

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
× Envie sua Notícia