Mundo

Músicas de Michael Jackson são vendidas por quase R$ 3 bilhões

O grupo Sony Music adquiriu metade do catálogo de Michael Jackson por US$ 600 milhões, cerca de R$ 2,9 bilhões. Segundo a Variety, é o maior acordo da história para a compra de ativos de um único músico. O patrimônio completo deixado pelo popstar é estimado em R$ 6 bilhões.

Segundo levantamento da Billboard, o catálogo do Rei do Pop gera cerca de US$ 75 milhões por ano. Esse valor inclui a propriedade das gravações principais e pagamento de royalties para o uso de canções em shows teatrais.

A Sony foi a gravadora de Michael, que morreu em 2009, durante toda sua carreira solo e nos últimos anos da banda Jackson 5.

Fonte: Folha PE

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
× Envie sua Notícia