Saúde

Uso de cigarro eletrônico dobra risco de infarto, alerta estudo

Os cigarros eletrônicos, cada vez mais populares entre jovens e adultos, aumentam em quase duas vezes o risco de o usuário sofrer infarto em comparação com pessoas não fumantes, aponta estudo feito pela Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), divulgado nesta quinta-feira (8).

Segundo o estudo, aproximadamente 3 milhões de brasileiros usam os dispositivos eletrônicos para fumar regularmente, popularmente conhecidos como “pods” ou “vapes”

“O consumo regular aumenta em 1,79 vez a probabilidade de infarto do miocárdio”, explicou a SBC, em nota divulgada à imprensa.

Apesar da proibição de venda e comercialização desde 2009, os dispositivos são encontrados facilmente no mercado paralelo. Durante o uso, os consumidores estão expostos a quantidades desconhecidas de componentes químicos, como nicotina, metais pesados, aromatizantes e propilenoglicol.

De acordo com a pesquisa, um dos problemas de saúde que podem surgir a partir do hábito é a aterosclerose. A doença crônica é a principal responsável pelo desenvolvimento de infartos e acidente vascular cerebral (AVC).

Fonte: PE10

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
× Envie sua Notícia