Policia

Caminhões com cargas milionárias são apreendidos no Sertão de Pernambuco

Durante uma fiscalização a veículos de carga, ação que vem sendo realizada continuamente em Pernambuco, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu dois caminhões carregados com produtos contrabandeados na quarta-feira (29), na BR 316, em Trindade, e na BR 428, em Petrolina, no Sertão pernambucano. Os veículos que transportavam a mercadoria haviam saído de Teresina, no Piauí, em direção a São Paulo. A Nota à imprensa foi divulgada esta segunda feira 03.

O flagrante foi realizado durante abordagem a caminhões que transportavam diversas mercadorias sem nota fiscal e a partir da abordagem do primeiro caminhão, a equipe descobriu que havia outro seguindo em direção a Petrolina. A carga apreendida em Trindade está avaliada em cerca de R$ 10 milhões e era composta por 2,2 mil aparelhos de TV a cabo ilegais, 447,8 mil óculos, 7,1 mil perfumes, 6 mil agulhas de tatuagem, 830 tênis e 23,6 mil cuecas.

A carga apreendida em Petrolina, que a princípio contém os mesmos produtos do primeiro caminhão, foi lacrada e ainda  será contabilizada. Os produtos estão acondicionados em material plástico com numeração e informações em língua estrangeira e foi encaminhada à Polícia Federal de Juazeiro/BA que deve fazer essa avaliação da originalidade dos materiais.

O motorista abordado em Trindade disse que havia sido contratado para realizar o transporte da mercadoria e portava 19 comprimidos de rebite. A PRF alerta que dirigir sob influência de “rebites” é infração gravíssima de trânsito, de acordo com o Art. 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e pode colocar em risco a vida do motorista e de outras pessoas.

Os condutores foram encaminhados à Delegacia de Polícia Federal em Salgueiro e Juazeiro. Eles poderão responder por contrabando, que prevê pena de dois a cinco anos de reclusão.

Fonte: Cauê Rodrigues

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
× Envie sua Notícia